Favoritos 2017 – Quadrinhos

Contagem regressiva para 2018! Uma página é virada e muitas se viraram ao longo dos anos. Inclusive das premiadas graphic novels que passaram pelas nossas mãos e hoje ocupam lugares especiais na nossa estante. Abaixo, nossas HQs favoritas de 2017.

Continuar lendo Favoritos 2017 – Quadrinhos

Anúncios

Favoritos de 2017 – Séries

Mais algumas horas para 2018 chegar e, por aqui, continuamos relembrando o que de melhor tivemos em 2017. E, definitivamente, as séries tiveram uma boa temporada. Talvez porque as mulheres reinaram e o poder feminino foi a palavra de ordem – grandes personagens femininos foram retratados de maneira digna na televisão. Confira abaixo as melhores, piores, as mais ou menos,  as mais subestimadas e as séries que já deveriam ter saído de cena.

Continuar lendo Favoritos de 2017 – Séries

Favoritos de 2017 – Filmes

Mais um ano termina e chega a hora de fazer um balanço de 2017. Gostaríamos de agradecer a comunidade blogueira do wordpress que segue nos dando muito apoio e compartilhando nossas publicações internet afora. Abaixo, listamos nossos filmes favoritos – e não-favoritos – de 2017 que foi, sim, um ano pródigo para o cinema, felizmente. Lembrando que a lista compreende apenas os longas lançados em território nacional no ano de 2017 e que listas são, por essência, subjetivas. Portanto, concordem ou discordem, estes são os nossos selecionados 😉

Continuar lendo Favoritos de 2017 – Filmes

Caçada Até à Última Bala

Caçada até a ultima bala

Desde que os filmes derivados de histórias em quadrinhos mostraram ser um negócio lucrativo, figurando nos primeiros lugares do ranking de maiores bilheterias, os estúdios cinematográficos não perderam tempo em investir nesse filão. Até duas décadas atrás, adaptações cinematográficas de HQs tratavam-se de raridades que surgiam na telona de tempos em tempos. Agora, é comum Hollywood lançar de três a quatro longas baseados em quadrinhos por ano. É um fato que a nona arte vem influenciando a sétima arte desde seus primórdios. Mas o fenômeno inverso também vem acontecendo com certa frequência.

Continuar lendo Caçada Até à Última Bala

Liga da Justiça

É curioso que, tanto nos créditos finais quanto iniciais, apenas o nome de Zack Snyder esteja grafado como diretor de Liga da Justiça, uma vez que, salvo seus vícios estéticos, a obra não poderia se distanciar mais de um filme do cineasta. Pelo contrário. O longa tem muito mais a cara de Joss Whedon – contratado durante a pós-produção do filme para escrever algumas cenas adicionais durante o processo de refilmagens e incumbido de dirigi-las quando Snyder teve de se afastar devido ao falecimento de sua filha.

Dessa forma, Liga da Justiça foge da identidade sombria dos longas que o precederam na cronologia do universo cinematográfico da DC, também dirigidos por Snyder, O Homem de Aço e Batman Vs Superman: A Origem da Justiça, que se levavam a sério demais. Isso pode até ser um demérito em termos de estilo e continuidade para os defensores da proposta de DCEU/Snyder. Porém, engrosso o coro daqueles que acreditam ser bem-vinda a mudança de tom, pois Liga da Justiça é um filme divertido e dinâmico de se assistir, ao contrário do modorrento Batman Vs Superman. Continuar lendo Liga da Justiça