Que País É Este – Legião Urbana

legiao_urbana_-_que_pais_e_este

Que País é Este? Essa pergunta, ainda sem resposta, intitula um dos álbuns mais famosos da icônica banda Legião Urbana, lançado no fim de setembro de 1987.

Devido ao grande sucesso do disco Dois, um ano antes, que se tornou um clássico instantâneo, a responsabilidade cresceu muito e a Legião precisava manter o nível de qualidade. Porém, o grupo estava sem repertório, com apenas duas músicas finalizadas.

A gravadora, no entanto, estava pressionando, portanto, foram incluídas no novo álbum algumas músicas já conhecidas pelos fãs que frequentavam seus shows e que, provavelmente, só não foram gravadas antes por conta da censura que vigorava na época e não permitiria a inclusão das faixas nos discos. Mas como ela já perdia força no país, foi mais fácil inseri-las em Que País É Este? Digamos que se trata quase de uma coletânea do grupo. Ao contrário dos primeiros discos da Legião, este é marcado por uma sonoridade mais pesada.

O LP trazia composições ainda da época do Aborto Elétrico (banda que Renato Russo fez parte no final da década de 1970), como Química (que já havia sido gravada por ele em um disco dos Paralamas do Sucesso, “Cinema Mudo“, de 1983), Conexão Amazônica e a clássica faixa-título do disco. Também contava com canções da época em que Renato se apresentava como o Trovador Solitário; são elas: Faroeste Caboclo e Eu Sei. Além das inéditas: Mais do Mesmo e Angra dos Reis. As outras duas que completavam o álbum composto por nove canções eram Tédio (Com Um T Bem Grande Pra Você) e Depois Do Começo (ambas assinadas por Renato Russo).

legiao

Detalhe que esse foi o último disco da Legião como um quarteto, já que no ano seguinte, o baixista Renato Rocha saiu do grupo.

Não podemos deixar de destacar o encarte do disco. Ele vem com uma história em quadrinhos narrando as várias trocas de guitarrista pelas quais a banda passou de uma maneira bem humorada. Além disso, conta a origem de cada faixa do álbum e traz diversas fotos dos integrantes.

Um disco recomendado para todos os que apreciam a obra da Legião Urbana. Digno de se ter na coleção pessoal.

Adryz Herven

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s