Indicados ao Emmy Awards 2014

Postando com um pouco de atraso, mas, na última quinta feira, 10, foram anunciados por Mindy Kaling e Carson Daly os indicados à 66ª edição do Emmy Awards, premiação que celebra as produções da televisão, especialmente norte-americanas.  Game of Thrones da HBO e a minissérie Fargo do FX, lideram indicações, aparecendo na disputa em 19 e 18 categorias, respectivamente. American Horror Story: Coven vem logo atrás, concorrendo a 17 estatuetas, seguido de Breaking Bad e Normal Heart, indicadas a 16 prêmios. Sentida ausência de Tatiana Maslany (Orphan Black) na lista de nomeadas a melhor atriz em série dramática, categoria que traz nomes de peso como Claire Danes (Homeland), Julianna Margulies (The Good Wife) e Kerry Washington (Scandal). Bryan Cranston (Breaking Bad), Matthew McConaughey (True Detective) e Kevin Spacey (House of Cards) foram justamente reconhecidos por seus trabalhos e indicados na categoria de melhor ator de drama. A entrega dos prêmios Emmy será realizada em  25 de agosto no Nokia Theatre, em Los Angeles, nos Estados Unidos. Confira abaixo a lista de indicados.

Melhor série dramática
Breaking Bad
Downton Abbey
Game of Thrones
House of Cards
Mad Men
True Detective

Melhor atriz em série dramática
Lizzy Caplan (Masters of Sex)
Claire Danes (Homeland)
Michelle Dockery (Downton Abbey)
Julianna Margulies (The Good Wife)
Kerry Washington (Scandal)
Robin Wright (House of Cards)

Melhor ator em série dramática
Bryan Cranston (Breaking Bad)
Jeff Daniels (The Newsroom)
Jon Hamm (Mad Men)
Woody Harrelson (True Detective)
Matthew McConaughey (True Detective)
Kevin Spacey (House of Cards)

Melhor atriz coadjuvante em série dramática
Anna Gunn (Breaking Bad)
Maggie Smith (Downton Abbey)
Joanne Froggatt (Downton Abbey)
Lena Headey (Game of thrones)
Christine Baranski (The Good Wife)
Christina Hendricks (Mad Men)

Melhor ator coadjuvante em série dramática
Aaron Paul (Breaking Bad)
Jim Carter (Downton Abbey)
Peter Dinklage (Game of Thrones)
Josh Charles (The Good Wife)
Mandy Patinkin (Homeland)
Jon Voight (Ray Donovan)

Melhor atriz convidada em série dramática
Margo Martindale (The Americans)
Diana Rigg (Game of Thrones)
Kate Mara (House of Cards)
Allison Janney (Masters of Sex)
Jane Fonda (The Newsroom)
Kate Burton (Scandal)

Melhor ator convidado em série dramática
Paul Giamatti (Downton Abbey)
Dylan Baker (The Good Wife)
Reg E. Cathey (House of Cards)
Robert Morse (Mad Men)
Beau Bridges (Masters of Sex)
Joe Morton (Scandal)

Melhor série de comédia
Big Bang Theory
Louie
Modern Family
Orange is the New Black
Silicon Valley
Veep

Melhor atriz em série de comédia
Lena Dunham (Girls)
Edie Falco (Nurse Jackie)
Julia Louis-Dreyfus (Veep)
Melissa McCarthy (Mike & Molly)
Amy Poehler (Parks And Recreation)
Taylor Schilling (Orange is the New Black)

Melhor ator em série de comédia
Louis C.K. (Louie)
Don Cheadle (House of Lies)
Ricky Gervais (Derek)
Matt LeBlanc (Episodes)
William H. Macy (Shameless)
Jim Parsons (Big Bang Theory)

Melhor atriz coadjuvante em série de comédia
Mayim Bialik (Big Bang Theory)
Julie Bowen (Modern Family)
Allison Janney (Mom)
Kate Mulgrew (Orange is the New Black)
Kate McKinnon (Saturday Night Live)
Anna Chlumsky (Veep)

Melhor ator coadjuvante em série de comédia
Andre Braugher (Brooklyn Nine-Nine)
Adam Driver (Girls)
Jesse Tyler Ferguson (Modern Family)
Ty Burrell (Modern Family)
Fred Armisen (Portlandia)
Tony Hale (Veep)

Melhor atriz convidada em série de comédia
Natasha Lyonne (Orange is the New Black)
Uzo Aduba (Orange is the New Black)
Laverne Cox (Orange is the New Black)
Tina Fey (Saturday Night Live)
Melissa McCarthy (Saturday Night Live)
Joan Cusack (Shameless)

Melhor ator convidado em série de comédia
Bob Newhart  (Big Bang Theory)
Nathan Lane (Modern family)
Steve Buscemi (Portlandia)
Jimmy Fallon (Saturday Night Live)
Louis C.K. (Saturday Night Live)
Gary Cole (Veep)

Melhor minissérie
Bonnie and Clyde
American Horror Story: Coven
Fargo
Luther
Treme
White Queen

Melhor filme para TV
Killing Kennedy
Muhammad Ali’s Greatest Fight
Normal Heart
Sherlock: His Last Vow
The Trip to Bountiful

Melhor ator em minissérie ou filme para TV
Benedict Cumberbatch (Sherlock)
Chiwetel Ejiofor (Dancing on the Edge)
Idris Elba (Luther)
Martin Freeman (Fargo)
Mark Ruffalo (Normal Heart)
Billy Bob Thornton (Fargo)

Melhor atriz em minissérie ou filme para TV
Helena Bonham Carter (Burton and Taylor)
Minnie Driver (Return to Zero)
Jessica Lange (American Horror Story: Coven)
Sarah Paulson (American Horror Story: Coven)
Cicely Tyson (The Trip to Bountiful)
Kristen Wiig (The Spoils of Babylon)

Melhor ator coadjuvante em minissérie ou filme para TV
Colin Hanks (Fargo)
Jim Parsons (Normal Heart)
Joe Mantello (Normal Heart)
Alfred Molina (Normal Heart)
Matt Bomer (Normal Heart)
Martin Freeman (Sherlock: His Last Vow)

Melhor atriz coadjuvante em minissérie ou filme para TV
Frances Conroy (American Horror Story: Coven)
Kathy Bates (American Horror Story: Coven)
Angela Bassett (American Horror Story: Coven)
Allison Tolman (Fargo)
Ellen Burstyn (Flowers in the Attic)
Julia Roberts (Normal Heart)

Melhor reality show de competição
The Amazing Race
Dancing With the Stars
So You Think You Can Dance
Project Runway
Top Chef
The Voice

Melhor série de variedades
The Colbert Report
The Daily Show With Jon Stewart
Jimmy Kimmel Live
Real Time With Bill Maher
Saturday Night Live
The Tonight Show Starring Jimmy Fallon

R. Skywalker

Anúncios

Bloggallerya – 3 Anos!

 

Bloggallerya-3-Anos

Hoje é um dia especial.

É dia de jogo do Brasil, mas também é aniversário do Bloggallerya! Três anos de atividade.

Muita gente já passou por aqui. Alguns permanecem, outros não mais. Mas o importante é, que mesmo com longos intervalos entre um post e outro, todos os textos produzidos para o blog contaram com o carinho, pesquisa e dedicação de seus autores que sempre se preocuparam em transmitir a informação de maneira correta e precisa.

Agradeço a todos os colaboradores que contribuíram para que o Bloggallerya chegasse ao seu terceiro aniversário e, claro, aos nossos leitores. Obrigada pelas 20.000 visitas, por curtirem nossa página no facebook, pelo feedback positivo e pelo apoio de sempre.

E como inauguramos o blog com um Especial sobre Harry Potter (que me deu um pouco de trabalho, mas valeu muito a pena), o gif aí em cima é uma singela homenagem, contando com a fonte de HP.

Obrigada pelo apoio e visitas! Continuem conosco 🙂

Curtam nossa página no facebook: https://www.facebook.com/Bloggallerya

tumblr_mildzudYsX1qiw4fro1_250

 

Nas Prateleiras: Lançamentos de Livros – Julho / 2014

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Evolução de Mara Dyer
Michele Hodkin

As misteriosas e perigosas habilidades de Mara continuam a evoluir. Ela sabe que não está louca e agora precisa se prender desesperadamente à sanidade. Mara sabe que é tudo real: pode matar com um simples pensamento, assim como Noah pode curar com apenas um toque e que Jude, o ex-namorado morto por ela, está realmente de volta. Mas para descobrir suas intenções, deve evitar uma internação em um hospital psiquiátrico. Confusa com as paredes se fechando e ruindo ao seu redor, ela deve aprender a usar seu poder.

Cartas de Amor Aos Mortos
Ava Dellaira

Tudo começa com uma tarefa para a escola: escrever uma carta para alguém que já morreu. Logo o caderno de Laurel está repleto de mensagens para Kurt Cobain, Janis Joplin, Amy Winehouse, Heath Ledger, Judy Garland, Elizabeth Bishop… apesar de ela jamais entregá-las à professora. Nessas cartas, ela analisa a história de cada uma dessas personalidades e tenta desvendar os mistérios que envolvem suas mortes. Ao mesmo tempo, conta sobre sua própria vida, como as amizades no novo colégio e seu primeiro amor: um garoto misterioso chamado Sky. Mas Laurel não pode escapar de seu passado. Só quando ela escrever a verdade sobre o que se passou com ela e com a irmã é que poderá aceitar o que aconteceu e perdoar May e a si mesma. E só quando enxergar a irmã como realmente era — encantadora e incrível, mas imperfeita como qualquer um — é que poderá seguir em frente e descobrir seu próprio caminho.

Desafio
C.J. Redwine

No interior das muralhas de Baalboden, à sombra do brutal Comandante da cidade, Rachel Adams guarda um segredo. Enquanto as outras garotas fazem vestidos e obedecem a seus Protetores, Rachel é capaz de sobreviver nas florestas e de manejar uma espada com destreza. Quando seu pai, Jared, é declarado morto em uma missão, o Comandante designa para Rachel um novo Protetor: Logan, o aprendiz de seu pai, o mesmo rapaz a quem Rachel declarou o seu amor há dois anos, e o mesmo que a rejeitou. Com nada além da forte convicção de que seu pai está vivo, Rachel decide fugir e encontrá-lo por conta própria. Mas uma traição contra o Comandante tem um preço alto, e o destino que a aguarda nas Terras Ermas pode destruí-la.

Libertada
Michelle Knight

Michelle Knight foi raptada em 2002 por um motorista de ônibus escolar de Cleveland chamado Ariel Castro. Por mais de uma década, ela sofreu torturas inimagináveis nas mãos de seu sequestrador. Em 2003, Amanda Berry juntou-se a ela no cativeiro, seguida por Gina DeJesus em 2004. A fuga das três, em 6 de maio de 2013, foi notícia ao redor do mundo. Milhões de pessoas comovidas agora se perguntam: o que realmente aconteceu naquela casa, e como Michelle encontrou forças para sobreviver? Mal saída de sua própria infância problemática, Michelle estava afastada da família e lutando para reaver a guarda do filho quando desapareceu. A polícia acreditava que ela havia fugido, por isso retirou seu nome da lista de pessoas desaparecidas 15 meses após o seu sumiço. Castro a atormentava com isso, lembrando que ninguém procurava por ela, que o mundo lá fora a esquecera. Mas Michelle não se deixava abater. Comovente, chocante, e por fim triunfante, Libertada revela os detalhes da história de Michelle, incluindo os pensamentos e orações que a ajudaram a encontrar coragem para suportar suas inimagináveis circunstâncias e construir, a partir de agora, uma vida que valha a pena ser vivida. Ao compartilhar seu passado e seus esforços para criar um futuro, Michelle se torna a voz dos que não têm voz, e um poderoso símbolo de esperança para milhares de crianças e jovens que desaparecem todo ano.

Mike Tyson – A Verdade Nua e Crua
Myke Tyson

A excelência como boxeador, o comportamento áspero dentro e fora do ringue, as polêmicas e os vícios fizeram de Tyson uma celebridade mundialmente famosa. Mas esta autobiografia vai muito além do que se leu ou ouviu sobre o mito. “Mike Tyson – a verdade nua e crua” é uma busca por autoconhecimento que dispensa qualquer filtro ou pudor.

Lilian Alipio