Belo Desastre – Jamie McGuire

Controverso e bem escrito, Belo Desastre tem arrancado elogios e críticas de jovens leitores de todo o Brasil. Lançado originalmente como e-book, o romance de Jamie McGuire se tornou rapidamente um dos mais vendidos do site Amazon. Por aqui, a obra se tornou sucesso na “blogosfera” e foi muito comentado nas redes sociais. As opiniões sobre ele oscilam entre “o melhor livro do ano de 2012” e “Deus me livre viver um amor assim”. O motivo?

Belo Desastre conta a história de Abby Abernathy, que acaba de entrar para a faculdade. Ela já teve seus anos rebeldes, mas tudo o que mais precisa e deseja agora é ser uma nova garota, e isso inclui ficar longe de confusões, bebidas alcoólicas e bad boys.  Mas quando ela conhece Travis Maddox, melhor lutador da área, violento e mulherengo (em outras palavras, tudo aquilo que ela queria e deveria ficar longe), fica difícil resistir.

Os personagens se conhecem durante uma luta vencida por Travis, num lugar pouco apropriado para a “nova Abby”, aquela que só deseja ser uma garota normal e desconhecida para a maioria. Ao som de socos e muita gritaria, eles se conectam imediatamente e, a partir daí, ficar perto um do outro é simplesmente inevitável. Tudo acontece muito naturalmente: a relação começa com uma simples amizade – com Abby sendo uma das poucas mulheres que Travis não tentou levar para a cama – mas aquela que realmente importa para ele. Isso deixa óbvio que ele a vê de uma maneira diferente, fato que Abby tenta, com todas as suas forças, não enxergar.

O papo “não quero estragar a amizade” também existe aqui, mas não são os clichês que fazem de Belo Desastre um dos livros mais comentados do momento. Os personagens são muito complexos e possuem seus próprios traumas, o que os torna completamente errados um para o outro, embora sejam completamente certos. Será que dá para entender?

Jamie, a autora, possui uma narrativa muito boa, que te faz ler o livro muito rápido, mesmo que você não esteja gostando da história. Ela construiu dois personagens confusos e controversos, cuja relação num capítulo lhe faz suspirar e no seguinte lhe deixa querendo jogar o livro na parede. Creio que o fato de Travis e Abby serem tão complicados é que fez a fama do livro, somado com o fato de eles serem muito palpáveis: Abby pode ser eu, você, e Travis pode ser aquele cara que você ama, mas que é muito difícil ficar junto. Acredito que é por isso também que várias jovens estão suspirando por ele, querendo viver um amor intenso e louco como o dos personagens: recheado de brigas intensas, mas com reconciliações quentes e amorosas.

Mas não se pode generalizar. Muitas mulheres querem passar longe de qualquer Travis Maddox, pois ele tem muitos defeitos e está longe de ser o príncipe encantado. Com seu jeito ciumento, dependente e controlador, ele consegue irritar. O relacionamento de Abby e Travis chega a ser um pouco doentio, a ponto de os próprios personagens chegarem à conclusão de que eles são um desastre juntos.

Acho que o título do livro define perfeitamente a essência da historia: Travis e Abby são um belo desastre: confusos, irritantes e extremamente sexys. É difícil classificá-lo com estrelas, visto que num minuto você o ama e no outro, o odeia. Eu o defino como “real”. Ninguém é perfeito, Travis e Abby também não são. Acho que é aí que se encontra o charme do romance de Jamie McGuire.

Daniele Marques

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s