The Newsroom

No mundo das séries existem alguns deuses. Esses deuses foram capazes de produzir obras que viraram ícones no meio. Joss Wheddon, J.J. Abrams e muitos outros.

Um desses deuses lançou o seu mais novo bebê, The Newsroom, que leva a assinatura de Aaron Sorkin, o gênio que produziu The West Wing e a esplendorosa Studio 60 que teve infelizmente uma única temporada (sim, a audiência americana é injusta).

The Newsroom tem como mote a redação de um jornal de TV a cabo americana. A serie tem como protagonista Will MacVoy, um âncora respeitado, mais famoso por puxar o saco de seus entrevistados. No episodio piloto, Will surta numa conferencia em uma universidade americana. Uma das alunas faz uma pergunta simples a Will. E ele, no alto de seu surto, faz um retrato real dos Estados Unidos. Óbvio que esse retrato é chocante. E causa um transtorno na seu emprego e com isso somos jogados ao turbilhão que sua vida se tornou.

Depois de cumprir uma suspensão, Will volta à sua redação e não encontra equipe, produtores. Ninguém quis ficar ao lado de Will que é o maior âncora da emissora. Para salvar a sua estrela, Charles Skinner, chefe do departamento de jornalismo do canal, traz de volta aquela que talvez seja a causa dos problemas de Will; sua ex-namorada Mackenzie Machale, produtora de gabarito, ela tem uma missão: salvar o News Night. Óbvio que Will pira com a possibilidade de trabalhar com Mac. Mas no dia de sua volta, eles são surpreendidos com o vazamento de petróleo no golfo do México. E Mac consegue produzir um jornal esplendoroso e convence momentaneamente Will a deixa-la como produtora.

A partir daí somos jogados num redemoinho de emoções de como um jornal é produzido. Claro que a produção é rodeada de clichês, e sabemos que metade das notícias não é produzida daquela forma. Mas ver o jornalismo com os olhos de Sorkin é uma delicia. Newsroom é uma comedia? Talvez. É um drama? Talvez. Duvido que alguém não se comova com a emoção dos jornalistas ao relatarem a morte de Bin Laden. Ou não morra de rir com as trapalhadas de Mac.

A summer season esta acabando; o mês mais amado pelos seriemaníacos chegou. Mas The Newsroom merece um pouco de atenção e, para completar, além do Sorkin , ela leva o selo HBO de qualidade (talvez falho em true blood). Mas um único erro deixa a HBO no lucro.

Beijos e ate a próxima.

Gaby Matos

Anúncios

Uma opinião sobre “The Newsroom”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s